Deuxieme


quarta-feira, abril 08, 2009

Avatar.

O escritor brasileiro Paul Francis disse um dia que Todo o optimista é um mal-informado. É mais ou menos isso que se passa com Avatar. Desde o inicio, e é preciso remontar uns quantos anos para encontrar o lançamento da primeira pedra deste projecto, James Cameron e a 20th Century Fox têm feito um magnifico trabalho em fechar tudo e todos a sete chaves. Pouco ou nada se sabe sobre o filme, que deverá ter direito a estreia mundial no fim-de-semana que antecede o Natal. A menos de um ano, e tendo em conta que se trata de um dos títulos mais aguardados dos últimos tempos, seria de esperar que a sinopse já não fosse apenas aquela que circula pela net desde sempre, e que tem tanto de esclarecedora como de palha para inglês ver. No entanto, com o passar dos meses, dita a máquina de Hollywood que o desconhecido se mostre ao mundo. Começam as entrevistas, os teasers fazem a sua aparição, e a informação chega finalmente a todos os optimistas espalhados pelos quatros cantos do planeta. Aos oito dias de Abril de 2009, parece que é chegado esse momento. O instante em que Cameron e companhia começam a perder controlo das expectativas criadas. A dar o mote, a entrevista de Laz Alonso, ao collider.com.

Christina Radish: What can you say about the film and who you play in it?
Laz Alonso: Unfortunately, I can’t say anything because that was part of what we signed. None of us are allowed to talk at all about the script or what the story is about. All I can say is that the technology is something that no one has ever seen or used before. We were being filmed by 197 cameras, simultaneously, in real time. It was something that took two and a half years to do, and when you see it this December, you’re going to know why it took that long. It is just unrivaled by anything that my eyes have ever seen in cinema. It blew me away, when I saw some of the finished scenes”.

No fundo, aquilo que na giria desportiva tem o nome de blackout. Muito bem. É uma estratégia. Agora, Michelle Rodriguez parece não conseguir conter aquela tendência inata para fazer chichi fora do penico. Ora, atentemos na recente declaração da actriz ao /Film. E, esta é a altura em que devemos avisar que vem aí spoiler.

Anytime you’ve got a wild, independent, free-spirited woman, she has to die at the end of the movie, unless it’s a movie that’s so sci-fi that it can’t be real, like Tomb Raider. Me? I die in every film that I’m in this year. They’re just gonna have to keep on killing me. I’ll keep coming back, until they realize what’s hot and make flicks for bitches like me”.

Pronto, assim que nos sentarmos para ver o filme, vamos começar logo a contar os minutos para a morte de Trudy Chacon. Obrigado, Michelle.

Mais duas notas apenas. Alonso diz na entrevista ao Collider que Avatar é o primeiro capitulo de uma trilogia. Para parte dos sites e blogs de cinema, isto foi quase um beliscão. Só para quem não seguia o site da MTV em 2006. Novidade não será bem o termo. Por último, o Marketsaw dá conta das dificuldades que a equipa de James Cameron está a ter para montar um trailer. Parece que já foram oito, aqueles que não receberam a aprovação do realizador, e voltaram para trás.

Eight, count 'em, EIGHT trailers have already been made for AVATAR and all of them failed the test with James Cameron. He is hard at work prepping his own trailer for the masses as he knows the first trailer has to be done right.
Strength of rumor: 8 out of 10 (trusted source)”.

Pelas nossas contas, Cameron tem de apressar-se. A nossa aposta vai para um lançamento do trailer com a chegada de Terminator Salvation. Isso é que era um fim-de-semana.

Bruno Ramos

Etiquetas: , , ,

2 Comments:

Anonymous Suw said...

Nossa... isso é que é ser sem noção! Sobre a sua elegante afirmação sobre Michelle Rodriguez, só tenho uma coisa a dizer:

Você deveria gostar que pessoas com descendência latina tenha mais espaço em hollywood e não torcer pra que tenham papéis mesquinhos. Se você não notou hollywood é uma panelinha, onde só quem é americano e tem dinheiro é bom e ganha prêmios.

Michelle Rodriguez é uma excelente profissional, a única coisa que falta é que se dê espaço e um personagem de futuro, pois já esteriotiparam-a como a durona e não a deixam fazer outros tipos de personagens. Um ator ou atriz só mostram todo seu valor quando são desafiados a fazer uma coisa nova. Você ainda vai se surpreender muito com ela viu?

É só a minha opinião, você não é obrigado a gostar de ninguém, você tem suas próprias opiniões e respeito isso, apenas peço que reflita sobre o que hollywood é, e o que ela nos leva a pensar das pessoas. ok?

10 de abril de 2009 às 00:41  
Blogger Nasp said...

Um primeiro trailer de Avatar na estreia de Terminator Salvation ? Não é mau pensado, ainda não me tinha lembrado desta hipotesse.... mas já não digo nada.

10 de abril de 2009 às 16:29  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection