Deuxieme


domingo, dezembro 14, 2008

Uma das doze passas é para pedir a estreia disto.

Photobucket

A palavra-chave na dissertação de Richard Corliss é Docufantasia. Como um filho que nasce sempre mais bonito do que qualquer um dos progenitores, também um vocábulo emerge com todo um outro encanto quando resulta da união de duas palavras. E, parecendo que não, Documentário e Fantasia são dois termos que têm muito em comum.

Por esta altura, chovem listas de tudo e mais alguma coisa. A Time resolveu arrumar a questão, e elaborar todas as listas dos dez mais de 2008. De tudo. Até mesmo, dos carros que mais deixaram a desejar. E, como não podia deixar de ser, a dos filmes vêem lá para o meio. Sem grande surpresa, Wall-E é primeiro. Com agrado constatamos o afecto para com Synecdoche, New York, segundo, ou primeiro dos últimos, nas distinções. Agora, em terceiro lugar, um título obscuro. Nas visitas diárias à net, à procura das últimas e mais frescas sobre a sétima arte, julgamos nunca termo-nos cruzado com My Winnipeg, do canadiano Guy Maddin. O plot, mais do que confuso, é uma mão vazia e outra cheia de nada. Ao que parece o filme é um retrato pessoal da Maddin, da sua cidade natal, Winnipeg. Numa viagem aos tempos de infância, o cineasta recruta actores que se transformam em familiares, procurando assim captar os valores, princípios e conflitos com que cresceu. Nas palavras de Corliss, estes são duelos no seio do lar que embaraçariam o próprio Freud. Onde começa a exposição fiel do passado, e acaba a ficção criada pela pena de Maddin e George Tolles, autores do argumento, é a questão que se coloca. O trailer, que esconde uma melodia triste até mais não, é um rodopio de estímulos ambíguos. Uma coisa é certa, a vontade de ver esta obra, seja lá o que ela for, acabou de atingir valores retumbantes. Para ajudar à festa, depois de ter proclamado os vinte melhores do ano, Roger Ebert atribuiu o fictício Prémio do Júri Especial a My Winnipeg. Caramba, o raio do filme deve ser mesmo bom. Aqui fica o trailer.

Bruno Ramos

Etiquetas: ,

1 Comments:

Blogger Unknown said...

Sobre Guy Maddin - http://ohomemquesabiademasiado.blogspot.com/search?q=guy+maddin

20 de dezembro de 2008 às 00:27  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection