Deuxieme


quarta-feira, janeiro 28, 2009

Meg Ryan precisa do seu 'The Wrestler'.

The world is changed, diz a Galadriel de Cate Blanchett, no prólogo de The Lord of the Rings: The Fellowship of the Ring. A tão famigerada crise parece ter-se instalado, e a vida de milhões é posta de pernas para o ar, do dia para a noite. No entanto, no inicio, a tendência fatal é a de resistir à realidade nua e crua. Não é um dado adquirido que os tempos tenham mudado assim tanto e, quando olhamos lá para fora, através da janela, até parece que as pessoas se passeiam com o mesmo contentamento de Poppy, Sally Hawkins em Happy-Go-Lucky – que, em abono da verdade, ainda não vimos, mas que diz ser uma pessoa optimista. Agora, todo o optimismo vai pelo cano abaixo quando constatamos que, um filme com o cavalheiro William H. Macy e a outrora namoradinha da América Meg Ryan sai directamente para Dvd, por terras do Tio Sam. Que mundo é este em que vivemos, quando dois actores deste gabarito não justificam um lançamento nas salas de Cinema? Estamos apreensivos. Se, William H. Macy já nos habitou a sábias escolhas de papéis ao longo da sua carreira, Meg Ryan sempre foi um catalisador de receitas. Contudo, parece que isso foi noutra Era. Por cá, o filme terá a Lusomundo como distribuidora. Os direitos foram adquiridos o ano passado, em Cannes. O filme, que passou também por Sundance no início de 2008, ainda não tem data de estreia por estes lados. No entanto, a sua passagem pelo Fantasporto deste ano é já uma certeza. É difícil perceber os motivos que levam este filme a não estrear nas salas nos Estados Unidos, depois de ter passado por Cannes e Sundance, até com reacções positivas. Estamos curiosos para ver o destino deste título por estas bandas. O mais certo é estrear a seguir ao Verão, depois de esgotarem os blockbusters, antes da chegada dos grandes candidatos aos prémios do próximo ano, e quando for preciso encher chouriço. A última vez que vimos Meg Ryan ser Meg Ryan foi em In the Land of Women (Jon Kasdan, 2007). Contudo, soube a pouco, e não nos parece justo ter direito a um bom filme de Meg Ryan por década. Esperemos que a obra de Steven Schacheter, apesar desta contrariedade, não seja mais um título em vão. Aqui fica o trailer de The Deal, uma película sobre Charlie Berns (Macy), um produtor que consegue um financiamento de 100 milhões de dólares para um filme que não tem argumento e, com o dinheiro no bolso, decide viajar pela Europa na companhia da produtora Deidre Hearn (Ryan).

Bruno Ramos

Etiquetas: , ,

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Só uma correcção: Galadriel

29 de janeiro de 2009 às 22:52  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection