Deuxieme


terça-feira, fevereiro 10, 2009

Para variar, um remake.

Após três dias de interregno, devido aos prazos a cumprir para o próximo número da revista, voltamos às contribuições diárias para o Deuxieme. No entanto, na próxima semana e meia, não poderemos dar-nos ao luxo de retomar a velocidade cruzeiro habitual. Os Oscar estão aí à babuja, e exige-se um ritmo mais acelerado. Nos próximos dias, esperemos que isto consiga ser algo do género non stop. Só estamos a ver três coisas que nos poderão afastar deste espaço, nos próximos tempos. A primeira, que uma investida alienígena ache por bem perturbar este jardim da Europa à beira-mar plantado, como diria Tomás Ribeiro. Mas, para isso contamos com a ajuda de Will Smith. A segunda, que o Deus sumério Gozer e o seu exército de fantasmas decidam armar confusão aqui por perto. Mas, para isso contamos com a ajuda de Bill Murray, Dan Akroyd e companhia. A terceira, que haja uma falha geral na EDP. Esta, porque não estamos a ver quem nos possa socorrer, parece um pouco mais grave que as outras duas. Contudo, porque se faz tarde e ainda não dissemos algo que se aproveitasse, aqui fica o primeiro teaser poster de The Taking of the Pelham 123.

Photobucket

Realizado por Tony Scott, o filme conta com as participações de Denzel Washington, John Travolta, John Turturro e James Gandolfini. Remake do lendário título de 1974 de Joseph Sargent, com Walther Mathau e Robert Shaw, que terá servido de inspiração aos nomes coloridos que Tarantino deu às suas personagens de Reservoir Dogs (1992), este até não é daqueles que mais nos leva a torcer o nariz. Em primeiro lugar, porque estamos sempre dispostos a ver um pedido de resgate com epicentro no metro de Nova Iorque. Em segundo lugar, porque este é um remake que não parece envergonhar-se da sua condição. Ultimamente, o que está a dar são filmes baseados em obras anteriores, mas em que os produtores dizem, Não, esta será uma nova versão desse filme, baseada ligeiramente em algumas passagens, mas que terá a sua própria mensagem. Quase como se não existissem filmes mais díspares. Neste, as diferenças não deverão ser muitas. A primeira a saltar à vista, é a de já não ser necessário escrever os números por extenso. Agora, se é remake, que se assuma como tal. Qualquer dia vem alguém dizer que tem uma nova perspectiva para oferecer sobre Citizen Kane. Esperem, é diferente. Garanto-vos, poças. Ouçam com atenção. O filme começa com um sinistro… Rosepuf.

Bruno Ramos

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger Oh my lover said...

ahahahahah :D "rosepuf"
Ja tava preocupada com o vosso afastamento!

10 de fevereiro de 2009 às 22:58  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection