Deuxieme


sexta-feira, fevereiro 20, 2009

Previsões - Actor e Actriz Principal.

Ao contrário de outros anos, em que pelo menos uma das categorias de interpretação já tinha vencedor anunciado – quando não mesmo as duas, como em 2006, com as previsíveis vitórias de Forrest Withaker e Hellen Mirren –, a presente edição oferece-nos duas corridas com dois ou três candidatos a lutar pela estatueta. Assim é que a gente quer. Isto quer dizer que, lá para as quatro e meia da manhã, haverá malta a pular do sofá. Uns, a festejar, outros, a barafustar. É a festa dos Oscar.

A exemplo do que aconteceu na categoria de Melhor Actriz Secundária, a categoria de Melhor Actriz teve de ser reavaliada assim que o nome de Kate Winslet foi anunciado no lote de finalistas, não pelo desempenho de April Wheeler, mas pela interpretação de Hanna Schmitz. Quando já todos contavam com a vitória da actriz a 22 de Fevereiro, por Revolutionary Road, eis que a Academia resolveu puxar um coelho da cartola. As contas baralharam-se, e já são menos aqueles que asseguram que Winslet tem o que é necessário para bater a concorrência. Ainda assim, parece-nos que a actriz é a melhor colocada para arrebatar a estatueta. Atrás de si tem cinco nomeações sem nunca ter conquistado um Oscar – já é tempo –, a máquina de Harvey Weinstein a trabalhar, e diversos troféus ao longo da temporada, se bem que na categoria secundária. Globo de Ouro, Screen Actors Guild, Broadcast Film Association, e os círculos de Las Vegas e Chicago. O BAFTA é o único indicador na principal categoria. O segundo nome mais falado é o de Meryl Streep. A actriz venceu o prémio da Broadcast Film Association – empatada com Anne Hathaway – e o Screen Actors Guild. Já não vence um Oscar desde 1982, e muitos são aqueles que pretendem rever uma espécie de coroação da rainha de Hollywood. No reverso da medalha, muitos poderão achar que não se dá um terceiro Oscar por dá cá aquela palha. Porém, de palha, a sua soberba interpretação em Doubt tem muito pouco. Anne Hathaway, que venceu na National Board of Review, pode ser a surpresa da noite. A actriz venceu também na Broadcast Film Association – empatada com Meryl Streep. Se a Academia se dividir entre Winslet e Streep, Hathaway poderá chegar-se à frente, pelo seu trabalho em Rachel Getting Married. Melissa Leo, que venceu o prémio Spotlight da National Board of Review, foi o nome mais inesperado aquando do anúncio das finalistas. Há quem diga que ninguém merece mais do que ela. No entanto, Leo entrou na corrida com voltas de atraso, e não nos espantaria que o seu nome até seja desconhecido para alguns membros da Academia. Frozen River passou ao lado de muitos. O único indicador de Angelina Jolie, em Changeling, é o Satellite Award. A actriz já tem um Oscar no currículo, e provavelmente não receberá outro tão cedo. No entanto, depois da omissão do ano passado, por A Mighty Heart, há quem possa querer recompensá-la. E, normalmente, os filmes de Eastwood ganham sempre qualquer coisa.

Na categoria de Melhor Actor, pelo menos dois parecem ter hipóteses. E, Sean Penn, por Milk, leva ligeira vantagem. O actor ganhou nos Screen Actors Guild, Broadcast Film Association, e nos importantes círculos de Los Angeles e Nova Iorque. No entanto, Penn já tem um Oscar, ainda para mais, recente. Contudo, se Hillary Swank tem dois em dois, porque carga de água é que Sean Penn não poderá ter também? Mickey Rourke, por The Wrestler, aparece na segunda posição. Venceu nos Globos de Ouro, BAFTA, e nos círculos de Chicago, Florida e San Diego. A vitória seria um final feliz neste seu regresso à ribalta. No entanto, o passado joga contra si. Frank Langella, em Frost/Nixon, não ganhou grande coisa. Apenas no círculo de críticos de Las Vegas. Porém, somos tentados a colocá-lo como terceiro candidato ao Oscar, e possível spoiler da noite. A Academia gosta de presentear veteranos, e Langella tem o perfil ideal. O filme é sóbrio, e o seu triunfo seria quase uma forma de (des)agradar a gregos e troianos, deixando os apoiantes de Rourke e Penn sem razões para se atirarem uns aos outros. Penn levou o SAG, Rourke o Globo de Ouro, Langella o Oscar. Cenário mais do que possível. Richard Jenkins, por The Visitor, teve um ano memorável. O actor venceu o Spotlight Award, na National Board of Review, e o Satellite Award. No entanto, um lançamento demasiado cedo do filme, e os quatro nomes sonantes que lhe fazem companhia nesta categoria, devem ditar um regresso a casa sem estatueta. Brad Pitt, por The Curious Case of Benjamin Button, não tem qualquer indicador a seu favor. O actor tem sido nomeado para quase tudo o que é prémio, mas vitórias, nem vê-las. Os Oscar não deverão ser excepção. A não ser que Benjamin Button seja o filme da noite. Se Pitt levar o Oscar, a principal estatueta deverá cair para o filme de Fincher. No entanto, por esta altura, parece-nos pouco provável. O mais certo é esta cerimónia servir para vermos o casal Brangelina passear-se na passadeira vermelha, e pouco mais.

Bruno Ramos

10 Comments:

Blogger cátia said...

pra mim ganha o sean penn na categoria de melhor actor, em relaçao a melhor actriz n tenho prognósticos a fazer ta muito renhido e axo k kualker uma delas tem hipotese pork academia ta-nos sempre surpreender(n se eskeçam k o ano passado kuando toda a gente axava k a julie chritie ja tinha o oscar na mao apareceu a marion cottilard) no domingo tamos la tds n vale adormecer meio =D

20 de fevereiro de 2009 às 12:25  
Anonymous Anónimo said...

As minhas apostas são Mickey Rourke para melhor actor e Angelina Jolie para melhor actriz. É esperar para ver.

20 de fevereiro de 2009 às 14:03  
Anonymous César said...

As categorias principais este ano parecem estar a ferver. Para melhor actriz a minha aposta é Kate Winslet. De facto Meryl Streep aparece-nos como sempre brilhante, resplandecente e gigante, no entanto, parece-me que a AMPAS vai preferir Winslet, não só por "The Reader". Parece-me que dar o Oscar a Winslet será uma forma de premiar a sua April e a sua Hanna. E é merecido. Winslet é uma das melhores actrizes dos últimos 15 anos, e não tem o Oscar na estante. Se Hillary Swank tem 2 (que foram merecidos, ninguém diz o contrário), porque raio Winslet não tem nenhum, se a segunda é claramente melhor e pelo menos mais constante ao nível das escolhas que faz (de papéis digo). Na categoria de melhor actor, apesar de reconhecer que Rourke pode chegar-se a frente, porque a Academia adora um bom comeback, creio que Sean Penn será o senhor da velada. E é merecido. Esperar para ver...

20 de fevereiro de 2009 às 14:22  
Anonymous Anónimo said...

"(Angelina Jolie) No entanto, depois da derrota do ano passado, há quem possa querer recompensá-la." De que derrota estamos a falar? Ela não foi nomeada a qualquer Óscar o ano passado... A única vez que o foi, aconteceu em 1999 e levou para casa o de melhor actriz secundária.
Apostas para este ano: Actor Sean Penn ou Mickey Rourke Actriz Kate Winslet

20 de fevereiro de 2009 às 14:22  
Anonymous Daniel said...

Peço desculpa, mas o Penn nao tem 2 em 2...

E a nomeação para o I am Sam? e para o Dead men walking? Não percebi a sua afirmaçao

Tem 1 oscar...neste momento. Logo se verá segunda feira

The dark knight is the best movie of the year. Period.

20 de fevereiro de 2009 às 14:57  
Blogger Bruno Ramos said...

Anónimo, grato pela correcção. O post já está emendado.

Daniel, Sean Penn nunca poderá ter dois em dois. O que queríamos dizer é que se Hilary Swank já tem dois, em duas nomeações, a Academia não deverá ter problemas em atribuir um segundo Oscar a Penn.

20 de fevereiro de 2009 às 15:12  
Anonymous Paulo said...

Anónimo,

a derrota de Jolie no ano passado refere-se à sua não nomeação por A Mighty Heart... Isto depois de ter sido nomeada para os SAG, GG e mais uns quantos circulos da crítica. No entanto a sua substituição por Linney/Blanchett foi merecida.

20 de fevereiro de 2009 às 15:49  
Blogger Inês Guedes said...

Eu gostei muito da prestação de Angelina em Changeling. No entanto, acredito que ganhe a Kate Winslet.
No oscar de melhor actor principal, acho que o Brad Pitt não tem as minimas hipoteses. Sean Penn é um actor excelente, porém, penso que a academia vá dar a oportunidade ao Mickey Rourke!

20 de fevereiro de 2009 às 16:03  
Anonymous Paulo said...

Segundo consta Sean Pean e outros que tal andam a fazer campanha por Melissa Leo:

"...Leo has the open support from heavyweights like Dustin Hoffman, Quentin Tarantino, Whoopi Goldberg, Ron Howard, Marcia Gay Harden, Josh Brolin and Sean Penn who are rather open with the other members about their love for Leo’s thesping in the film."

Injustiça para as outras 4 actrizes.
Só espero que Rourke ganhe.

20 de fevereiro de 2009 às 18:16  
Blogger Ricardo said...

O que desejamos e o que acontece nem sempre ocorre. Até hoje a vez em que mais extasiado fiquei com um triunfo nesta categoria foi quando O Pianista Adrien Brody bateu a concorrência do talhante Day Lewis e do reformado Jack Nicholson.
No que aos actores diz respeito - não vi Rourke nem Jenkins - tenho uma preferência pelo Milk de Penn. Vi ontem o Nixon de Langella e confesso ter ficado impressionado pelo desempenho do senhor pelo que não me desagradaria um triunfo politicamente correcto.
Já Brad Pitt não tem hipóteses e penso que não merece a estatueta por este papel, apesar de achar que Benjamin Button (ou mesmo Milk) devia(m), sem dúvida, ganhar melhor filme a Slumdog.
No sector feminino, Jolie não tem hipóteses nem vai, de certeza, ganhar. Como além de Jolie só vi ainda Streep, a (já) lenda devia ganhar se a luta fosse entre as duas.
Só amanhã vou ver Winslet, mas, a manter-se a excelência demonstrada em filmes anteriores como o formidável Pecados Íntimos, a vitória é merecida.
Para Hathaway creio que está reservado para os próximos anos um Oscar. É a mesma esperança que acalento para actrizes como Julianne Moore, Naomi Watts, Joan Allen. Nos senhores, Edward Norton lidera a lista dos "must win actors".

20 de fevereiro de 2009 às 23:07  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection