Deuxieme


quarta-feira, abril 15, 2009

Perspectiva de boas abertas para Trekkies.

Esta segunda-feira foi passada a redigir três artigos que deverão sair no próximo número da Premiere. Um especial sobre Terminator: Salvation, que chegará apenas a 04 de Junho, uma antestreia sobre Angels & Demons, e uma outra sobre Star Trek. Dos três textos, e das leituras que lhes vêm associadas, este último foi o mais enriquecedor. Em menos de 24 horas, a expectativa em torno do filme de J.J. Abrams como que octoplicou. E, isto é se fizermos as contas por baixo – isso, e por não termos a certeza de como se diz a multiplicar por nove. Uma pesquisa mais pormenorizada à produção de Star Trek permitiu ver que nem tudo foi um mar de rosas para o menino de ouro de Hollywood. Para além de ter servido a este não-trekkie assumido para conhecer um pouco melhor o fenómeno nascido em plena Beattlemania. Já lá vão mais de quarenta anos desde que James T. Kirk e Mr. Spock se apresentaram no pequeno ecrã e, tanto tempo depois, com tantas mutações no franchise, passando pela imagem renovada em múltiplas séries televisivas, e dez filmes estreados nas salas, a saga continua na mó de cima. É verdade que Star Trek: Nemesis, o último filme, não deixou grandes saudades. Contudo, em muitos locais espalhados por esse planeta, falar da Enterprise continua a ser quase tão eficaz para alivar a tensão ao lado de um vizinho no elevador, como abordar o tempo que faz. Para além disso, ajudou a reflectir um pouco na questão de Abrams ser ou não um aproveitador dos 15 minutos de fama de Lost, e tirar o melhor partido de sagas mancas, que anseiam pela voz ao fundo do túnel. Hoje, parece-nos, acima de tudo, que Abrams é um Veste a camisola. Mente aberta, é capaz de dizer sim a tudo. Mas, caramba, entrega-se até mais não. No final o resultado parece compensatório. O filme teve já uma estreia surpresa em Austin, e as reacções não poderiam ter sido mais efusivas. No Rotten Tomatoes, 100%. Ainda não passam de seis criticas, é certo, mas a malta do Cinema Blend não costuma apregoar ao desbarato.

The new Star Trek movie is amazing- easily the best Trek movie since The Wrath of Khan, and a veritable feast of sight and sound: A captivating adventure that grabs you from the first and doesn't let go. The effects are staggering, finally what the stories have deserved so richly”.

Já tem uns diazitos, mas seguimos a recomendação do Marco Santos, num post lá mais para baixo. Aqui fica o terceiro trailer.

Bruno Ramos

Etiquetas: ,

4 Comments:

Anonymous Pedro Baltarejo said...

Estou ansioso pela estreia, minha maior dúvida e meu maior receio, é saber se J.J. Abrams consegui captar o aspecto filosófico e metafísico que a série tinha.

15 de abril de 2009 às 18:42  
Anonymous Marco Santos said...

Antes de mais tenho que manifestar o meu agrado pelo post com o trailer que referi. Só revela que a Deuxieme, provavelmente por ser composta por um conjunto de cinéfilos desprovidos de filiações e de corporativismos que os obriguem a encapsularem-se dos comentários e a caminharem por um trajecto espartilhado de regras editoriais,dá importância aos visitantes deste blog, e pelo facto deixo mais uma vez o meu agradecimento.

No que se refere ao trailer, classifico-o de Magnífico, se existe magia condensada em 2 minutos e 14 segundos, J.J. Abrams ou um editor (genial) salpicaram o trailer com a mesma. A banda sonora, o uso do slow motion em momentos fulcrais, as vozes, o priming das letras em situações de tensão... Até o grito de revolta, propositadamente que Eric Bana, incontroladamente solta é indiciador do nível a que este filme se encontra. Já o vi, inúmeras vezes, provavelmente pela magnificência e pelo conjunto de emoções que as imagens e a banda sonora me provocam, gosto especialmente da rudeza e aproximação à realidade de Bana, naquele grito que revela uma carga emocional de libertação... de desespero. São traços eu sei, podem muito bem serem manipulações, momentos propositadamente revestidos do poder que a exposição fluída permite, uma que não permite analises menos superficiais, que não foge aos estereótipos.
Mas estes 2 minutos e 14 segundos meros segundos, revelam um potencial extraordinário.
Flashback: Tarde de domingo, década de 90, o sol irrompia pela janela,puxo o estore e a sala fica coberta pela camada invisível de obscuridade. Sento-me no sofá, e mergulho nas aventuras de Doctor Spock... e da nave Enterprise. Tive uma cadeira na Universidade que referia que apesar de percepcionarmos todos o mesmo objecto, o reconstruímos na nossa mente de forma diferente da de todos os outros, exceptuando as representações sociais. Para mim este trailer, nestes dois minutos e 14 segundos eu vejo-me transportado para o passado, sou "teletransportado" para um corpo de um míudo com 9 anos.

16 de abril de 2009 às 13:38  
Anonymous Marco Santos said...

Só uma adenda, como grito de revolta refiro-me à forma como afirma : Fire Everything

16 de abril de 2009 às 16:26  
Blogger lmre said...

Sem dúvida um dos melhores trailers dos últimos tempos, juntamente com o segundo de Terminator Salvation.

Nos dois, o conjunto de edição de imagem e som foi brilhantemente executado.

Arrepiante mesmo.

Não sou Trekkie, mas fico na expectativa de um bom filme (embora ache que o filme mainstream do ano vá ser mesmo o Salvation).

16 de abril de 2009 às 16:50  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection