Deuxieme


quarta-feira, junho 03, 2009

Cameron sobre Avatar.

Uma semana depois, Avatar continua a ser o título mais antecipado do ano para Alvy Singer. O mestre Criswell está ali ao fundo a dar o seu consentimento. Menos mal. Mas, esta está a ser uma boa semana para aqueles que diariamente suspiram ao acordar e adormecer, enquanto aguardam pela chegada do próximo de James Cameron. O cineasta passou pela UBISOFT E3 para falar sobre o videojogo baseado no filme, e acabou por falar no filme que está na origem do videojogo – passe a redundância. Não ficámos a saber grande coisa, mas o revelado bastou para aguçar ainda mais o apetite.

Segundo Cameron, a ideia para o filme tem quinze anos. Ora, andando para trás, constatamos que as raízes remontam a 1994. O realizador admite que o conceito teve de ficar na gaveta durante alguns anos, por não existir a tecnologia necessária para dar-lhe vida. Foi quando o nosso precious Gollum apareceu em O Senhor dos Anéis que Cameron terá dito para com os seus botões que, se calhar, estava na hora. Ainda assim, foram precisos cerca de nove anos para desenvolver as câmaras ideais, e quatro para concluir os trabalhos, começando a contar no primeiro dia de pré-produção. Ficámos também a saber que a acção de Avatar se desenrola no século XXII, sobretudo, em Pandora. Esta não é um planeta, mas sim a lua de um planeta gigantesco coberto de gases, Polyphemus, algures no sistema solar Alpha Centauri-A. Pandora tem algumas semelhanças com a Terra. Florestas tropicais, ambiente chuvoso, árvores com mais de quinhentos metros de altura, e é o habitat de algumas criaturas amáveis e outras que nem tanto. Pandora é também a casa dos Na’vi, uma raça humanóide a viver num estado primitivo, mas que se revela mais evoluída do que poderíamos pensar. Os Na’vi têm três metros de altura, pele azul, longas caudas, a destreza de um tigre, um ar temoroso, e são exímios guerreiros sempre que em perigo ou provocados. Algo que poder-se-á provar sempre que os humanos derem um salto a Pandora. Fora isso, vivem numa harmonia inabalável. Deixemos aqui o vídeo para ouvir tudo isto, e algo mais, da boca do próprio.

Alvy Singer

Etiquetas: ,

3 Comments:

Blogger membio said...

espero que toda esta pré-ansiedade que o James Cameron nos está a transmitir seja numa grande parte cumprida... senão será um dos maiores flops da história do cinema e dos video-jogos...

4 de junho de 2009 às 18:14  
Blogger Alvy Singer said...

James Cameron não costuma rimar com flop. Esperemos que esta não seja a excepção que confirma a regra. Se há ditados idiotas, este é um deles.

4 de junho de 2009 às 23:09  
Anonymous Abílio Reis said...

Desculpem a ignorância deste pobre e imaculado ser, mas, Portugal tem cinemas capazes de rodar esta fita em plenas condições? Sei que antigamente havia um IMAX, mas actualmente não tenho conhecimento que exista algum em pleno funcionamento. Obrigado.

5 de junho de 2009 às 21:53  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection