Deuxieme


sexta-feira, janeiro 25, 2008

Charlize, não é Budapeste lá ao fundo.

Há dois dias falámos aqui da capa e site de O Correio da Manhã. Hoje, dediquemo-nos ao jornal Sol. Mais uma vez, procurando não cair em estereótipos sobre a cultura geral de cada um, será melhor ficarmo-nos mesmo pelo artigo no site deste jornal que dá conta da calinada de Charlize Theron, quando confundiu Budapeste com Istambul.

Charlize Theron convidada a visitar capital húngara para deixar de a confundir com Istambul”. Até aqui tudo bem.

As autoridades de Budapeste anunciaram hoje que convidaram a actriz sul-africana Charlize Theron a visitar a cidade para que deixe de confundir a capital turca com a húngara”. É o que poderia e deveria ter sido escrito de uma outra forma.

Em nenhum momento, em todo o artigo, se diz qual é a capital da Turquia. No entanto, convenhamos que esta última frase deixa a entender fortemente que Istambul será essa capital. Bastaria o nome Ankara surgir lá para o meio, e talvez não restasse qualquer dúvida. Prefiro acreditar que foi isso. Que o jornalista do Sol deu por adquirido que o leitor já sabia a resposta a esta pergunta. Caso contrário, fica difícil saber quem devemos troçar no meio disto tudo.

Alvy Singer

Etiquetas:

5 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Beauty =/= Brains... mas para todos os efeitos ela é afro-americana e é natural que conheça melhor esses 2 continentes que propriamente a Europa.

25 de janeiro de 2008 às 14:08  
Anonymous Anónimo said...

so quero fazer um pequeno reparo a capital da turquia não é Istambul mas sim Ancara

25 de janeiro de 2008 às 16:04  
Blogger Unknown said...

Caros: à Charlize tudo se lhe perdoa...
VA

27 de janeiro de 2008 às 00:52  
Blogger Pedro said...

A idiotice anda espalhada por todos os jornais e revistas portuguesas. É incrível ver este jornalismo de W.C. onde se escrevem noticias sem se informarem devidamente sobre o assunto. E infelizmente, com o caso Heath Ledger, chegam a publicar tudo o que lêem na internet. O caso da nota enrolada é um bom exemplo, onde uma nota de $20 foi encontrada enrolada perto da cama de Heath Ledger. Logo os peritos forenses que habitam nos jornais decidiram que, se a nota está enrolada, então era para snifar algo. É muito triste isto tudo.

27 de janeiro de 2008 às 09:36  
Blogger Pedro said...

Não cheguei a acabar a tal história sobre Heath Ledger. Veio-se a confirmar, por testes verdadeiramente cientificos, que a nota estava realmente limpa de narcóticos. Mas o homem está morto, pouco importa se lhe metem o nome na lama...muito triste mesmo.

27 de janeiro de 2008 às 09:40  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection