Deuxieme


sexta-feira, abril 11, 2008

E Depois do Adeus.

Este é aquilo tipo de posts para o qual nunca nos preparamos. Que me caiam todos os pêlos do corpo, se algum dia pensei escrever estas linhas. Sempre achei mais provável um meteorito em rota de colisão com a Terra ser interceptado por um Bruce Willis esmerado, ou uma invasão alienígena ser aniquilada por um veterano da Guerra do Vietname, pai de família, e alcoólico. Agora, abandonar o Deuxieme, foi algo que nunca me passou pela cabeça. Isto, até há uns tempos atrás.

Nos últimos meses, vinha ganhando consistência a ideia de que o fim para esta viagem estava perto. Com o passar do tempo, após o final da PREMIERE, o blog tornou-se no derradeiro escape para esta paixão pelo Cinema que diariamente necessita de ser expelida. Quem acompanha este espaço desde o seu inicio, sabe que os tempos nem sempre foram fáceis. Recordo como se fosse ontem, em meados de Abril de 2007, portanto, há coisa de um ano, ir para o trabalho, e acompanhar de hora a hora o número de visitas. Um post-it e uma caneta marcavam os registos. Por volta das 17:30, hora de saída, tinham sido pouco mais de 100, os curiosos. Contudo, fosse qual fosse o número, à noite, altura em que chegávamos aos 150, a motivação para escrever era sempre a mesma. Os posts começaram a crescer, os assuntos diversificavam, o Bernardo Sena e o Francisco Silva entraram em força, sempre com o apoio, quando possível, do José Vieira Mendes, do Nuno Antunes, e do Luís Salvado, e o blog deu um salto do camandro. Era indescritível a satisfação de ver o número de visitas aumentar. O post-it e a caneta mantiveram-se sempre. Os valores, esses, é que foram mudando. Muitas foram as noites de sono passadas em frente ao ecrã, mesmo naqueles dias em que não dava para mais nada a não ser colocar uma questão, e que valeram a pena pelos comentários na manhã seguinte. Aquilo que era dado desse lado, jamais seria retribuído, por mais textos que fossem deixados. E, verdade seja dita, ainda hoje não sei quem lucrou mais com tudo isto. Aquela formação de formadores, por exemplo, custou como tudo. Por essa altura, o Deuxieme era mais do que uma parte do meu dia. Era o reencontro com todo um mar de cinéfilos – hipérbole, para quem não apanhou – que tinha vindo aqui parar ao longo dos tempos. E, caraças, isso sabia melhor do que um copo de água a seguir a um gelado.

Agora, nos últimos dias foi-se tornando clara a ideia de que era necessário colocar um ponto final nesta viagem que foi o Deuxieme. Inexplicavelmente, parte da dedicação havia-se esfumado e, algo sussurrava ao ouvido que era preciso dizer o definitivo adeus a tudo o que estivesse relacionado com a PREMIERE. Não sei onde li isto há uns tempos mas, passei por um sítio onde, num cartaz, estava escrito que Tudo deve demorar o tempo exacto para ser inesquecível. Duvido que alguém tenha ficado mais extasiado do que Alvy Singer, no dia em que o José Vieira Mendes deixou uma mensagem de voz a dizer para passar na redacção da revista. Assim como duvido que alguém tenha dado mais pulos de contentamento, no dia em que o Deuxieme teve mais de 200 visitas. E, quem diz 200, diz 300. Por aí fora. No entanto, a nossa vida pessoal mexe com estas coisas, e acabamos por ser apanhados com as calças na mão. Já o Lennon dizia que A vida é o que nos acontece enquanto fazemos outros planos. O sacana percebia destas coisas.

E, verdade seja dita, o momento é o de olhar em frente mas, percorrendo outro caminho. Porque isto dos blogs, como tudo, funciona como um tubarão. Se pára, morre. E, para Alvy Singer, aquilo que temos em mãos, é um tubarão morto. Sem muitos porquês, nem grandes justificações, porque, acreditem, a cada linha torna-se mais difícil levar isto avante, nada resta senão dizer que esta foi uma das mais belas etapas por que passei. As memórias levadas deste ano e meio, não poderiam ser melhores. Algumas pessoas conhecidas por essa blogosfera fora. Os assíduos visitantes deste espaço, que acompanharam inclusive os posts na véspera de Natal. E, tantas, tantas outras coisas, que demorariam o dia todo a enumerar. Foi tudo demasiado bom para ser verdade. Ter vivido por dentro a montanha-russa que foi este blog, é algo pelo qual estarei eternamente grato.

Obrigado a todos por todas as palavras de incentivo ao longo do caminho e pela inestimável companhia. A procura dos ovos segue noutro lado.

Alvy Singer

39 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Colega e Amigo, foste a verdadeira alma deste blog - com uma paixão e dedicação acima de qualquer média. Longas serão as saudades de ler os teus posts, sempre com algo de muito relevante para qualquer cinéfilo que se preze - fosse pelo seu conteúdo ou pelo teu grandioso estilo de escrita. Desejo-te as maiores felicidades e um contacto futuro a manter, ainda que noutra embarcação! Obrigado eu Alvy, pela tua parceria e trabalho de equipa, foi um prazer enorme que não esqueço e que tão bem soube alimentar os meus dias de trabalho na sétima arte. Um valente abraço e até sempre!

11 de abril de 2008 às 01:51  
Blogger Carlos M. Reis said...

Foste, e como diz muito bem o Francisco - e sem qualquer desprimor para os restantes - a verdadeira alma deste blogue. No entanto, e como não tenho dúvidas que o cinema corre-te pelas veias, sei que voltarás um dia, mais cedo ou mais tarde, aqui, ali ou acolá, à blogosfera nacional cinematográfica. Porque em pouco tempo a marcaste, sempre cordial, íntimo e franco. Porque fazes parte dela e o vício falará mais alto. E nós cá estaremos à tua espera ;) A minha porta, como sabes, estará sempre aberta... desde que não seja a Annie a conduzir ;)

11 de abril de 2008 às 02:03  
Blogger Manuel Reis said...

Então uma pessoa vem aqui, cheia de boa vontade e tudo, e tudo, e tudo, e, ao que parece, o Deuxieme acaba?

Pronto, olha, boa sorte para o futuro e... bons filmes. Que regresses à blogosfera o mais rapidamente possível. ;)

11 de abril de 2008 às 02:14  
Blogger Alvy Singer said...

Passamos nós a vida a criticar filmes cheios de clichés, e venho eu agora dizer que não tenho palavras para agradecer estes três primeiros comentários. É preciso lata. Mas, porque o mesmo tema foi focado, a verdade é que já tenho um espaço onde brevemente começarei a debitar disparates. Depois das vossas ressalvas, acho que fará sentido deixar o link no post. E, para não ficarmos aqui todo o dia a trocar galhardetes, eu é que agradeço, caramba. Detestaria chatear-me com pessoas pelas quais tenho o maior apreço.

11 de abril de 2008 às 03:08  
Anonymous Anónimo said...

I'm in completely shock!

Bem, não sei bem o que escrever agora... depois se calhar venho aqui mais tarde e escrevo (quando recuperar)... mas, por favor, alguém dê um Oscar a este sinhor! Já merecia!

... and the Oscar goes to... Alvy Singer

11 de abril de 2008 às 09:49  
Blogger inêsgens said...

É com pena que apago a subscrição deste simpático blog do meu Google Reader.
Contudo, já acrescentei o novo. Esperamos novidades, Alvy!
Esta rede cinéfila não será a mesma sem o teu contributo.

Beijinhos

11 de abril de 2008 às 10:07  
Anonymous Anónimo said...

Obrigado por tudo. As saudades serão muitas. Felicidades para o futuro.

11 de abril de 2008 às 10:17  
Blogger João Bizarro said...

Chiça, não estava à espera disto.

Sem desprimor para os outros, o Alvy era a alma deste blog.
O que é bom também acaba e só posso desejar felicidades ao Alvy nesta nova etapa.

Entretanto passarei pela outra chafarica!

11 de abril de 2008 às 10:54  
Anonymous Anónimo said...

É com grande tristeza a minha q vejo mais um espaço de cinema ver perder um Grande Senhor. Primeiro foi a premiere agora o blog. Agradeço por tudo o q fizeste para deixar os cinéfilos mais esclarecidos acerca desta nossa paixão que é o cinema. Obrigado por tudo Alvy Singer e esperemos todos q nao seja um adeus mas sim um até breve :)

11 de abril de 2008 às 13:05  
Anonymous Anónimo said...

Alvy Singer era a verdadeira alma deste blog... Sem ele, o blog não será o mesmo, de certeza absoluta. Tanto prazer me deu ler os seus posts, sabia que quando chegasse a casa depois de um dia de trabalho, o Deuxieme lá estaria para acabar com a minha fome cinematográfica e descansar o meu cérebro! Obrigado por tudo!
Mas pela segunda vez em poucos meses, sinto que perdi um filho... Primeiro a Premiere, agora este blog nunca mais será o mesmo. Mas enfim, life goes on... E lá nos veremos noutro sitio! Lá estarei todos os dias! Obrigado por tudo Alvy!

Móriakum

11 de abril de 2008 às 13:41  
Blogger Lúcia said...

Esta é uma despedida muito triste. O que eu me entusiasmava com os teus posts, entusiasmo esse, nunca compreendido aqui em casa (infelizmente)!Mas como dizia o outro, não é um adeus, mas um até já. Boa sorte e felicidades,Alvy.
PS-Já estou com saudades...

11 de abril de 2008 às 14:02  
Anonymous Anónimo said...

Sinto que, pela segunda vez, perdi o meu melhor amigo! Depois da Premiere não pensei voltar a passar pelo mesmo...Snif! Boa sorte, Alvy. Cá te esperamos, um dia, para novas aventuras.:)

11 de abril de 2008 às 14:03  
Anonymous Anónimo said...

Desde há uns dias para cá que tinha vindo a perceber que algo já não estava como antes... E agora, quem me guia por esses campos a fora? Era tão fácil chegar todos os dias e ver as novidades escarrapachadas neste blog e depois seguir a partir daí :( Bom, tudo tem um fim... queria deixar o agradecimento a todos os que escreveram neste blog, em especial ao Alvy, gosto mais de cinema por causa dele.

11 de abril de 2008 às 14:14  
Anonymous Anónimo said...

Grande abraço!
Felicidades.

http://yadavezes3.blogspot.com/

Já está nos favoritos! :)

11 de abril de 2008 às 14:22  
Anonymous Anónimo said...

Lamentavelmente, enterra-se hoje e definitivamente a PREMIERE. Mesmo sendo algo já tristemente previsível, não deixa de custar saber que as coisas nunca serão como foram. A máxima de que só damos valor ao que não temos tem aqui o desmentido categórico: cada um de nós sabia o quanto este site para nós significava e esta tristeza vem-o apenas confirmar.

E como tudo na vida continua, só posso agradecer o trabalho e esforço dispendidos ao comungar connosco o amor arrebatado e absoluto pela 7ºArte.

Boa sorte e até à vista Alvy. E muito cinema para ti...

11 de abril de 2008 às 16:22  
Anonymous Anónimo said...

Apenas para tornar público o meu Muito Obrigado ao que foi o grande motor deste blog. Um grande abraço Alvy!

11 de abril de 2008 às 17:48  
Blogger freakyanas said...

Também eu estou triste... Tinha reparado que algo estava diferente nos últimos tempos, mas não estava à espera desta notícia...
Espero que quem fica consiga dar uma nova vida a este blog... Continuam nos meus favoritos!
O novo do Alvy também já está nos meus favoritos... Espero encontrar por lá a mesma eloquência que sempre demonstrou aqui!

11 de abril de 2008 às 20:30  
Blogger Rita Pereira Trindade said...

Este é o mal de andar a trabalhar demasiado e não ter tempo para espreitar as novidades, quando chego aqui já todos disseram o que havia para dizer...
Obrigada, Alvy, pela dedicação com que "comandaste" o Deuxième durante estes meses.
Gostei especialmente do ranking de cinema natalício, à conta disso passei a quadra agarrada aos DVD's.

Espero que encontres os teus ovos :)
Que a força esteja contigo.

11 de abril de 2008 às 20:38  
Anonymous Anónimo said...

oh nao :(
gostei bastante ali da frase de woody allen incorporada no texto (tanto como a imagem)
tenho mesmo uma imensa pena, és uma das "bocas" do cinema
e nao sei que mais dizer porque ja praticamente tudo foi dito
desejo tudo de bom e como diz knoxville, nos esperemos :)

agora meto aqui um dos geniais textos de woody allen, e espero que a tua vida corra tao bem como ele descreve:

"In my next life I want to live my life backwards. You Start out dead and get that out of the way. Then you wake up in an old people's home feeling better every day. You get kicked out for being too healthy, go collect your pension, and then when you start work, you get a gold watch and a party on your first day. You work for 40 years until you're young enough to enjoy your retirement. You party, drink alcohol, and are generally promiscuous, then you are ready for high school. You then go to primary school, you become a kid, you play. You have no responsibilities, you become a baby until you are born. And then you spend your last 9 months floating in luxurious spa like conditions with central heating and room service on tap, larger quarters every day and then Voila! You finish off as an orgasm! I rest my case."

11 de abril de 2008 às 21:00  
Anonymous Anónimo said...

Bom, terei que seguir outro link, Alvin... following the white rabbit. Até já.

11 de abril de 2008 às 21:48  
Anonymous Anónimo said...

Foi mesmo com muita pena que li este último post. Todos os dias consultava o blog para saber as últimas novidades. Posso já demonstrar aqui como a Premiere foi influente em muita gente: tenho 19 anos e desde os 14 ou 15 anos (quando descobri a revista) que a comprava habitualmente. Foi assim que começou o meu gosto pelo cinema, foi assim que descobri este mundo fantástico. Devo isso tudo à Premiere...
O fim da revista já tinha sido uma grande perda. Agora outra.
Um muito brigada por me terem mostrado o que é o CINEMA.

11 de abril de 2008 às 21:52  
Anonymous Anónimo said...

Alvy, Alvy, não há palavras para descrever o meu choque e a minha tristeza, ao ler esta notícia. Tão inesperada como foi a do fecho da PREMIERE. Esta era fonte mais segura, completa e confiável de cinema que eu conhecia, e até isso acaba. Espero que acabe por arranjar outra maneira de continuar o trabalho extraordinário que fez até agora, e tenho um pequeno pedido a fazer-lhe (talvez um pouco sem sentido): mesmo que deixe de postar o que quer que seja, por favor, não encerre o DEUXIEME. Vai saber bem voltar aqui a qualquer altura, mesmo sabendo que não há nenhum post novo à espera de ser lido.

Até sempre, Alvy. :)

11 de abril de 2008 às 23:37  
Blogger Unknown said...

FOI BOM ENKUANTO DUROU !!!!!!!!!!!
BEST WISHES...


AND GOOD MOVIES!!!!!!!!!!!!!!!!

HASTA LA VISTA

11 de abril de 2008 às 23:37  
Anonymous Anónimo said...

:(

11 de abril de 2008 às 23:58  
Blogger Pedro Pereira 77 said...

Já alguns dias que temia que algo deste género pudesse acontecer, tal era a pouca actualização do blog. Mas, ver o confirmar da noticia não deixa de ser algo doloroso, este é o derradeiro momento do que ainda restava da saudosa Premiere, pois sem o Alvy não me parece que o site poderá voltar a ser o que já foi (sem desprimor algum para todos os outros colaboradores)... por tudo isto, um grande obrigado e boa sorte nesta nova vida na blogosfera portuguesa (já está nos favoritos do meu blog)

12 de abril de 2008 às 00:20  
Blogger astolfo said...

Vou ter saudades. Felicidades

12 de abril de 2008 às 00:28  
Blogger André said...

Will be missed... Muito obrigado por tudo! Um abraço, e bons filmes!

12 de abril de 2008 às 00:54  
Anonymous Anónimo said...

Depois do final da Prémiere, este foi o único espaço que preencheu o vazio deixado pela revista. Todos os dias passava por aqui e lia com atenção os escritos, que tão cuidadosamente foram pensados e trabalhados. Levava em conta tudo o que era dito aqui e sentia-me perto de pessoas que realmente gostam de cinema e vivem para ele.
O DEUXIEME era já uma droga para os leitores, não passava um dia em que não abria esta página. O meu tempo era pouco, por isso raramente respondia, mas o vosso trabalho era muito reconhecido.
Embora entenda o ponto final tem de ser dado, sinto-me novamente perdida e infezlismente desta vez não vou ter onde me agarrar.
Mas pelo primeiro salvamento, pelos bons momentos, pelos sorrisos, pelas criticas por tudo, um MUITO OBRIGADA por fazerem parte da boa altura dos meus dias.

Um Beijo

12 de abril de 2008 às 01:52  
Blogger Ricardo Vieira Lisboa said...

já é tarde, mais de duas da manhã e eu já devia estar a dormir porque tenho coisas para fazer, mas nem sei se vou conseguir. saber que o Deuxieme vai/acabou, é como uma facada lá no mais profundo dos meus solitários corações. acabei agora de ver a Vila e o amor inebriante do filme, que emociona e choca cruza-se agora com a própria vida, mas saber que o senhor Alvy vai continuar a dizer "disparates" (como ele próprio diz), então, acho que nunca gostei tanto de disparates e parvoíces na minha vida, se todos os disparates forem como aqueles a que fomos habituados, então é certo que nem tudo se perde e ninguém morre por isso, e os que tiverem esse azar renascerão e não deixarão o mundo infelizes.
Ah ressurreição de Alvy Singer, lá na terra de Yada, Yada, Yada, lugar que pretendo visitar com a mesma regularidade que visitei este

12 de abril de 2008 às 02:17  
Anonymous Anónimo said...

Faz sempre pena ver partidas, sobretudo de pessoas que, como tu, escreviam assidua e dedicadamente sobre a 7ª Arte. Mas não sejamos negativos: boa sorte para o regresso no novo espaço! Com muito cinema, claro.

12 de abril de 2008 às 14:30  
Anonymous Anónimo said...

A escassez de novidades não podia ser bom sinal. Algo me dizia que isto não ia durar muito, mas sempre pensei que estaria errada, era apenas uma fase. Ás vezes acontece!
Aconteceu...
Obrigado por tudo o que me proporcionaste. Muito bom cinema vi eu á custa dos teus posts. Vou ser assidua no teu novo posto.
Mais uma vez, OBRIGADA.

12 de abril de 2008 às 16:19  
Blogger REFLEXOS di LUNA said...

Foi bom enquanto durou, e agora?

Agora,
Ita Missa Est Amen....

Inté Jazz.

13 de abril de 2008 às 01:25  
Blogger Cataclismo Cerebral said...

Obrigado pela dedicação e pelo respeito ao cinema, é tudo o que tenho a dizer!

Abraço

13 de abril de 2008 às 01:58  
Blogger Hugo Cunha said...

É pena que acabe, mas força para a vida no futuro e regressa se um dia poder ser.

13 de abril de 2008 às 18:20  
Anonymous Anónimo said...

Uma pessoa fica para o fim e depois já não tem muito mais a dizer que já não tenha sido dito anteriormente...

Assim aqui fica um grande OBRIGADO por todas as horas que dedicaste a esta verdadeira paixão que é o cinema, quer fosse a informar das novidades ou a recordar amores antigos por nós às vezes esquecidos!

Um abraço e felicidades para o futuro Alvy!

Ps: o Yada já está nos favoritos ;)

14 de abril de 2008 às 09:51  
Anonymous Anónimo said...

é uma vergonha!!!!!! não bastou acabar a premiere e ag isto!!! Ao menos diz quem és e deixa o pseudónimo pos cobardes!

14 de abril de 2008 às 22:43  
Anonymous Anónimo said...

Sou brasileiro e sofria para receber a minha premiere com quase dois meses de atraso e depois que acabou...agora minha última ligação com o velho continente em lingua pátria esvaiu-se...
Sentirei saudades Alvy,e os outros colaboradores também ficarão marcados.
Claudio Rocha - São Paulo - SP - Brasil

15 de abril de 2008 às 07:01  
Anonymous Anónimo said...

é bom que se esvaia!! sim porque com este acordo da língua portuguesa está mais para outra coisa!! um acordo que é mais uma adopção do português brasileiro! um escândalo! qualquer dia também viramos país de prostitutas e ladrões!

15 de abril de 2008 às 20:41  
Anonymous Anónimo said...

tive o privilégio de acompanhar a premiere de perto e de privar com quem a tornava possível todos os meses.
depois tive o prazer de ver este blog florescer ao sabor das tuas teclas.
obrigada por me fazeres rir, por me fazeres pensar, por satisfazeres as minhas curiosidades e suscitares novas, por me deixares ver esta arte pelos teus olhos.
acredito que tiveste muito trabalho em fazer este óptimo trabalho. quem corre por gosto cansa-se menos, mas também se cansa, não é?
um grande beijinho de uma grande fã, que conhece bem a necessidade de novos voos.

muitas felicidades!

Margarida (ex-redactora da Ragazza)

15 de abril de 2008 às 23:43  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    outubro 2006 novembro 2006 dezembro 2006 janeiro 2007 fevereiro 2007 março 2007 abril 2007 maio 2007 junho 2007 julho 2007 agosto 2007 setembro 2007 outubro 2007 novembro 2007 dezembro 2007 janeiro 2008 fevereiro 2008 março 2008 abril 2008 maio 2008 junho 2008 julho 2008 agosto 2008 setembro 2008 outubro 2008 novembro 2008 dezembro 2008 janeiro 2009 fevereiro 2009 março 2009 abril 2009 maio 2009 junho 2009 julho 2009 agosto 2009 setembro 2009 outubro 2009 novembro 2009 janeiro 2010 fevereiro 2010 março 2010 abril 2010 maio 2010 junho 2010 julho 2010 setembro 2010 outubro 2010 novembro 2010 dezembro 2010 janeiro 2011 fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection