Deuxieme


quarta-feira, janeiro 23, 2008

Heath Ledger (1979-2008)

I


CORAÇÃO DE CAVALEIRO

Sem querer estar a chover no molhado, como se costuma dizer, sinto que vale a pena, ainda que neste espaço curto, relembrar uma vez mais o actor Heath Ledger, que foi ontem encontrado morto no seu apartamento de Nova Iorque, possivelmente vítima de uma overdose, como revelou a polícia norte-americana, mas não se exclui a possibilidade de suicídio.

Teorias de fora, é importante relembrar Heath Ledger. É importante e faz todo o sentido, na medida que falamos de um actor com grandes capacidades, e que brilhou no cinema através de variados papéis; seja na comédia romântica, com 10 Coisas que Odeio em Ti (1999), ou em épicos históricos como O Patriota (2000), Coração de Cavaleiro (2001) e As Quatro Penas Brancas (2002), ou em dramas familiares e sociais de grande força como Monster's Ball - Depois do Ódio (2001), O Segredo de Brokeback Mountain (2005) - que lhe valeu uma nomeação para Óscar pelo seu extraordinário papel - ou Candy (2006), seja também na aventura e fantasia com Os Irmãos Grimm (2005), ou para a acção (quase documental) de The Lords of Dogtown (2005), e entretenimento com o seu Casanova (2005), deixando ainda lugar para o drama biográfico I'm Not There (2007) e o novo registo como o famoso assassino Joker em The Dark Knight (2008) - sendo que estes dois últimos filmes ainda por estrear entre nós. Por concluir ficará The Imaginarium of Doctor Parnassus (agendado para 2009), onde se encontrava em filmagens, dirigido pelo seu amigo Terry Gilliam.

O que mais me transtorna é a percepção do final abrupto de uma carreira destas num actor de 28 anos de idade, e que estava no seu melhor momento artístico, uma jovem carreira que é um feito de notória dimensão, que certamente abriria mais e maiores portas para um futuro glorioso.

Da minha parte, a espera de The Dark Knight aborda consigo uma "importância" pequena, que o nosso caro Alvy tão bem soube ter em conta com esta triste notícia, mas por outro também carrega ironicamente um peso gigante, pois é precisamente o último filme de Heath Ledger e ao que parece, pelas primeiras impressões que retive e opiniões de toda a indústria, vai deixar uma marca única. Certo é que este seu Joker já me garantiu, através do trailer que circula na Internet há mais de um mês, que vai conquistar o protagonismo total do filme, sem dúvida alguma. É ver para crer.

Para trás ficam obras a redescobrir, de um actor "que é um milagre da representação", como Ang Lee lhe chamou. Para sempre, entre outros momentos, fica na minha memória a sua especial e soberba personagem Ennis Del Mar, no fascinante O Segredo de Brokeback Mountain, e do inesquecível final "Jack, I swear...".

Lançando a questão, qual a personagem que Heath Ledger vestiu e vos marcou mais?

Francisco Silva

Etiquetas: , , , , , , , , , ,

37 Comments:

Blogger The movie_man said...

Um pouco depois de saber da triste notícia, decidi fazer a minha homenagem ao actor, vendo Brokeback Mountain. O filme já andava aqui por casa mas até à altura ainda não o tinha visto. E devo dizer que Ennis Del Mar foi a personagem de Ledger que mais me tocou. Que venha o seu derradeiro filme, The Dark Knight.

23 de janeiro de 2008 às 03:40  
Blogger Paulo said...

Estou profundamente chocado com esta notícia. Uma morte prematura de um actor que ainda tinha muito a dar à sétima arte.

Muitas e boas personagens. Uma carreira já longa e recheada. Apreciei muito o Gabriel do "The Patriot" (2000) e o Sonny do "Monster's Ball" (2001), mas a personagem que mais me tocou foi sem dúvida a do Ennis Del Mar em "Brokeback Mountain".

Não vou perder o Joker em "The Dark Knight" e só espero que o respeitem e não se aproveitem da sua morte para promover o filme da pior forma...

Triste, muito triste.

Nasceu uma lenda...

23 de janeiro de 2008 às 08:52  
Blogger João Bizarro said...

Estou em estado de choque...

23 de janeiro de 2008 às 09:40  
Anonymous Anónimo said...

Apesar de curta, a sua interpretação que mais me marcou foi a de Monsters' Ball.

Ao contrário de muitas opiniões, o novo Batman ganhou para mim mais importância. Essa poderá ser a marca e o legado lapidar de um actor que mesmo com uma curta carreira será durante muito tempo lembrado. Que tenha paz...

23 de janeiro de 2008 às 10:13  
Blogger Alvy Singer said...

Ennis del Mar. Daquelas interpretações que nos atropela.

Acho que ainda não interiorizei bem o facto de o último filme de Ledger estar tão perto…

23 de janeiro de 2008 às 10:33  
Anonymous Anónimo said...

Só pode ser o Ennis del MAr!!!!!


Gabriel Andrade

23 de janeiro de 2008 às 11:17  
Blogger meldevespas said...

É sem dúvida uma enorme perda para o cinema. Este rapaz, ainda muito jovem já tinha provado do que era capaz, e meus amigos, ele era capaz de muito!
Este post de despedida do Deuxieme, está muito bom, e dignifica a pessoa do Heath Ledger.
Também para mim, o Enis del Mar é o personagem mais tocante da sua carreira. Aliás, é um dos personagens mais marcantes da história do cinema.

23 de janeiro de 2008 às 11:23  
Blogger l00ker said...

sem dúvida a personagem de Ennis del Mar em "Brokeback Mountain", apesar de também ter gostado bastante do Dan de "Candy". É uma grande perda para a 7ª arte :(

23 de janeiro de 2008 às 11:33  
Anonymous Anónimo said...

Foi com grande pesar que li a notícia da trágica morte de Heath Ledger. Ao longo da sua carreira ele demonstrou por várias vezes ser um verdadeiro actor e que merece todo o nosso respeito. Heath sabia muito bem pegar numa personagem e dar-lhe toda a carga emotiva e brilho necessários para vermos uma grande actuação. Uma das minha actuações preferidas de Heath é o papel de Gabriel em "The Patriot" mas a sua personagem de Ennis Del Mar em "Brokeback Mountain" é simplesmente memorável. Continuo agora ansiosamente à espera de ver o seu papel de Joker em "The Dark Night", infelizmente seu último filme. Quando soube que era Heath que ia fazer o papel de Joker fiquei felicíssima pois para mim ele tem o perfil perfeito para a personagem. Agora falta aguardar e confirmar o que as já divulgadas imagens do filme têm revelado.

23 de janeiro de 2008 às 11:53  
Anonymous Anónimo said...

talvez "Coração de Cavaleiro", "Os Irmãos Grimm", "Brokeback Mountain"... :S

23 de janeiro de 2008 às 12:43  
Anonymous Anónimo said...

Só soube da notícia hoje e estou completamente chocada! Só vi dois filmes dele, por isso não posso tecer grandes considerações àcerca das suas interpretações, mas era um actor que ía em franca ascensão e me despertava grande simpatia. É certo que Ennis del Mar é fenomenal e ele esteve francamente bem, mas não posso esquecer 10 coisas que odeio em ti, um filme de adolescentes feito para a minha geração e que, por isso, vai ficar no meu coração.

23 de janeiro de 2008 às 12:53  
Anonymous Anónimo said...

De maneira estranha, desde que ouvi esta triste noticia só consigo pensar em como seria a sua vida, para além dos filmes, como seria ele fora da pele dos seus personagens...

Ele tinha a minha idade.Uma idade em que ninguem devia morrer, no mather what...

23 de janeiro de 2008 às 13:45  
Blogger João Bizarro said...

O choque era tanto que nem vi a questão.

Ennis Del Mar, sem sombra de dúvida.
Se bem que a pequena participação em Monster's Ball também foi emblemática.

Ficamos à espera do requiem, The Dark Knight

23 de janeiro de 2008 às 13:58  
Anonymous Anónimo said...

Enquanto assistia ao "Brokeback Mountain", dei por mim a pensar: "Este actor é mesmo bom... está completamente transfigurado da sua pessoa!". Nao penso isto nos filmes muitas vezes... :(

Ele tornar-se-ia num grande actor... a morte dele foi um grande desperdício cinematográfico e uma trágica perda a nível da humanidade...

23 de janeiro de 2008 às 14:07  
Blogger Loot said...

Um excelente actor, chamou-me a atenção em "Monster´s Ball", mas escolhendo apenas uma personagem foi Ennis del Mar em "Brokeback Mountain".

23 de janeiro de 2008 às 14:11  
Anonymous Anónimo said...

Reparem no que saiu na CNN:
At the time of his death, Ledger had just finished playing the villain The Joker in "The Dark Knight," the latest installment in the Batman series. The film is to open in July.

The role disturbed him, according to The Associated Press. He called The Joker a "psychopathic, mass-murdering, schizophrenic clown with zero empathy."

"Last week, I probably slept an average of two hours a night," Ledger told The New York Times. "I couldn't stop thinking. My body was exhausted, and my mind was still going."

He said prescription sleeping pills didn't help, according to AP.

Teremos oscar póstumo à vista ?

Gabriel Andrade

23 de janeiro de 2008 às 14:29  
Anonymous Anónimo said...

Eu ainda estou perplexo e chocado! Gostava muito de o ver. Sem dúvida Que Brokeback Mountain foi o seu papel mais marcante, mas falta ver o Batman.

Rui Pinhão

23 de janeiro de 2008 às 14:40  
Blogger Dennis Bergkamp said...

Não me lembro se o primeiro filme que vi dele foi o 10 coisas que odeio em ti, ou o Coração de cavaleiro, sei que este ultimo vi vezes sem conta e é daqueles filmes que da vontade de ver "pelo menos mais uma vez"

Ennis Del Mar vai ficar na história nem que seja pela importância que o filme teve, mas Joker vai arrebatar tudo e todos, nem que seja porque.. foi o seu ultimo papel.


Triste.. :(

23 de janeiro de 2008 às 15:18  
Anonymous Anónimo said...

Só soube hoje da notíca da morte de Heath Ledger. Apenas 28 anos... Como estaria a sua mente a pontos de fazer o que fez? Quando uma jovem vida é abruptamente interrompida toca-nos mais do que alguém que já viveu tudo o que tinha de viver.
Heath Ledger era um dos meus actores preferidos. Começou a chamar-me a atenção em "Coração de Cavaleiro", gostei da sua interpretação em "As Quatro Penas Brancas" e em "Brokeback Mountain" que lhe garantiria oportunidade de conseguir papéis igualmente bons ou ainda melhores.
Espero que a sua memória seja respeitada na promoção do seu derradeiro filme "The Dark Knight", que provavelmente estreará perto do Verão.
Estou em choque ainda e espero que o actor encontre, onde quer que esteja, a paz que não conseguiu em vida.

23 de janeiro de 2008 às 15:21  
Anonymous Anónimo said...

primeiro brad renfro e agora heath ledger.
quando soube de morte de heath ledger fiquei completamente estatica, nao consegui dizer nada sem ser 'nao pode ser'
ainda estou em estado choque e muito abalada
espero anciosamente pela estreia do "I'm Not There" onde ele é um dos Dylan's e tambem pelo "The Dark Knight"

that you may rest in peace

23 de janeiro de 2008 às 16:04  
Anonymous Anónimo said...

São esta notícias que nos fazem aperceber verdadeiramente da nossa "não imortalidade"... Chocante!
Apesar de tudo, testa-lhe a sorte de ficar eternamente presente na grande tela com papéis marcantes como o de Monter´s Ball...

RIP

23 de janeiro de 2008 às 16:06  
Anonymous Anónimo said...

São esta notícias que nos fazem aperceber verdadeiramente da nossa "não imortalidade"... Chocante!
Apesar de tudo, testa-lhe a sorte de ficar eternamente presente na grande tela com papéis marcantes como o de Monter´s Ball...

RIP

23 de janeiro de 2008 às 16:06  
Anonymous Anónimo said...

São esta notícias que nos fazem aperceber verdadeiramente da nossa "não imortalidade"... Chocante!
Apesar de tudo, resta-lhe a sorte de ficar eternamente presente na grande tela com papéis marcantes como o de Monter´s Ball...

RIP

23 de janeiro de 2008 às 16:07  
Anonymous Anónimo said...

É triste quando nos deparamos com este tipo de noticias...

Estou sem palavras...

23 de janeiro de 2008 às 17:06  
Blogger Cataclismo Cerebral said...

Ennis Del Mar é um papel tão assombroso que constitui a sua segunda pele... RIP Heath Ledger.

23 de janeiro de 2008 às 17:19  
Blogger Catpin said...

Ennis Del Mar com certeza, mas sem nunca esquecer Patrick Verona em 10 Coisas Que Odeio Em Ti... um filme que marcou a minha geração. Ou pelo menos o que conheço dela.

23 de janeiro de 2008 às 17:29  
Blogger alive said...

Completamente triste com isto.. Ledger era dos actores mais novos que tinha já uma marca e dos meus preferidos.
O primeiro filme que vi dele foi Coração de Cavaleiro, e também o que vi mais vezes.
O que mais gostei foi o papel no "Patriota".

Descansa em paz Heath..

23 de janeiro de 2008 às 18:01  
Anonymous Anónimo said...

Não há paciência para estes meninos que têm todas as condições para serem felizes e se perdem não se sabe bem porque razão.

Dinheiro, fama, sucesso, com um filho de 2 anos... e faz isto?? Não consigo entender, acho mesmo que não se pode entender.

E não me venham agora dizer que o dinheiro não é tudo e blá, blá, blá... ele que fosse português e que vivesse a vida da maioria dos portugueses a ver se era mais feliz.

Quanto à personagem mais marcante, é óbvio que foi a de Brokeback. Mas atenção, não é por ter morrido que se torna num supra sumo...era um jovem com talento e valor, nada mais.

Quanto à mensagem final... Heath? Tem juízo pá!!

23 de janeiro de 2008 às 18:36  
Blogger Pedro Pereira 77 said...

gostei muito da sua interpretação em Monster's Ball, mas talvez tenha sido o papel de Coração de Cavaleiro que me tenha cativado mais...

23 de janeiro de 2008 às 19:02  
Anonymous Anónimo said...

Mais do que um actor revelação, Heath Ledger marcou a minha adoslescencia com o filme "10 Coisas que Odeio em Ti". A partir do momento em que o vi, não só soube que uma nova estrela de cinema tinha aparecido entre os grandes actores de Hollywood, como também soube que jamais iria abandonar qualquer trabalho que este actor iria fazer no futuro.
Tal como Elvis ou Curt Cobain, há alguns que irão sempre ser relembrados como grandes figuras sem paralelo.
Heath Ledger é para mim, uma dessas pessoas.

R.I.P.

23 de janeiro de 2008 às 20:17  
Anonymous Anónimo said...

Ó paradiso...eu sou português e sou feliz!!! e não axo que a nossa vida ande asim tao má...a ver o que se gasta em coisas consideradas "não de necessidade básica"...e de todos as classes sociais... bem, mas isto não é para aqui chamado e dava panos pa mangas....
Fala-se de Heath Ledger agora...
RIP

23 de janeiro de 2008 às 21:50  
Anonymous Anónimo said...

Eu amo cinema... a arte da representação em geral... e não consigo deixar de sentir que perdi alguém quando morre uma pessoa que me habituei a ver nos ecrãs. E vi alguns filmes com ele. Os que me marcaram mesmo, que adorei!, foram o "Monster's Ball" e "O segredo de Brokeback Mountain". Ennis Del Mar é maravilhoso mas Sonny não o é menos... não saberia escolher entre ambos... arrepiantes. A fragilidade, a angústia que passava naqueles olhos... enfim... Espero que o Joker e o Dylan sejam também eles maravilhosos para que a memória - que é tudo o que resta - permaneça feliz. Obrigado, Heath.

23 de janeiro de 2008 às 23:54  
Anonymous Anónimo said...

Ainda estou em estado de choque...quando me disseram que ele tinha morrido nem sei o que senti...! A melhor interpretação é, sem dúvida, no brokeback montain, especialmente aquelas duas cenas fantásticas: quando eles se beijam depois de terem estado anos sem se verem e aquele final, com o Enis agarrado á camisa do jack! não tenha palavras para descrever os arrepios que, ao pensar nisto, ainda me dá.

24 de janeiro de 2008 às 09:54  
Anonymous Anónimo said...

Nada, nada foi o que senti da notícia.
É apenas um nome na enorme lista da juventude Hollywodesca que anda à deriva.
Depois do Brad Renfro, é mais um. Inesperado, mas até a morte dos mais Junkies são inesperadas, pelo menos a sua hora precisa de óbito.

Vou fazer um baixo assinado contra as medidas extremas de violência do Batman. Isto é de loucos!

24 de janeiro de 2008 às 14:15  
Anonymous Anónimo said...

Heath ledger, penso que dei por ele pela primeira vez em "10 coisas que odeio em ti", o filme marcou a minha adolescência e de muitos outros. Os anos foram passando e os filmes em que este actor entrou foram todos vistos por mim. Fiquei marcada pelo Sonny em "Monsters Ball" e pelo seu Ennis Del Mar em ".

Ficaram dois filmes para ver após a sua prematura morte, "Im not there" e "The dark night", este último é provavelmente o papel de uma vida.Vi o trailer há umas semanas e fiquei estupefacta quando soube que era Heath que fazia de Joker, sei que não me vou desiludir com o filme todo!

A vida tem destas coisas, lembram-se do papel de Brandon Lee no "Corvo"??

Quanto a quem fala de cima, só gostava de dizer que lamento, lamento que alguns não saibam o que ser-se humano, todos temos problemas, alguns sabem levar as coisas, outros não. Normalmente são as melhores pessoas que aguentam menos...

Vi várias entrevistas com Heath ledger e sempre reparei em duas coisas: a sua inquietação e incapacidade de contacto visual... demasiado sensível para tão grande indústria? Não foi por acaso que preferio interpretar Ennis Del Mar em detrimento de Jack Twist...

Será que alguém me pode informar acerca do Brad Renfro e do que lhe aconteceu?

24 de janeiro de 2008 às 15:22  
Anonymous Anónimo said...

"jack disse...
Nada, nada foi o que senti da notícia.
É apenas um nome na enorme lista da juventude Hollywodesca que anda à deriva.
Depois do Brad Renfro, é mais um. Inesperado, mas até a morte dos mais Junkies são inesperadas, pelo menos a sua hora precisa de óbito.

Vou fazer um baixo assinado contra as medidas extremas de violência do Batman. Isto é de loucos!"

NADA,ABSOLUTAMENTE NADA era o que eu sentia se tu te estampasses todo e tivesses uma morte lenta e dolorosa!!!
Agora quanto à morte de Heath Ledger, foi um choque!! Não só pela sua juventude e beleza, mas pelo que ele enormemente contribuiu para a 7ª arte e pela minha paixão pelo cinema!!
Allways in my memorie!!

24 de janeiro de 2008 às 19:04  
Anonymous Anónimo said...

Já tudo foi dito e "re-dito" nestes comentários...
Trabalhei durante algum tempo numa Blockbuster..e muitos filmes me passaram pelas mãos..mas um, chamou a minha atençao, pela ternura da capa e pelo nome do actor protagonista, Heath Ledger. "Candy" foi para mim uma surpresa e, como alguém que conheço costuma dizer, "um soco no estomago".... é um filme poderoso, dark mas duma beleza fantástica.
Isso sim, foi descobrir Heath Ledger.

28 de janeiro de 2008 às 12:51  

Enviar um comentário

<< Home

Menu Principal

Home
Visitantes
Website Hit Counters

CONTACTO

deuxieme.blog@gmail.com

Links

Descritivo

"O blogue de cinema"

  • Estreias e filmes em exibição
  • Próximas Estreias
  • Arquivos

    Outubro 2006 Novembro 2006 Dezembro 2006 Janeiro 2007 Fevereiro 2007 Março 2007 Abril 2007 Maio 2007 Junho 2007 Julho 2007 Agosto 2007 Setembro 2007 Outubro 2007 Novembro 2007 Dezembro 2007 Janeiro 2008 Fevereiro 2008 Março 2008 Abril 2008 Maio 2008 Junho 2008 Julho 2008 Agosto 2008 Setembro 2008 Outubro 2008 Novembro 2008 Dezembro 2008 Janeiro 2009 Fevereiro 2009 Março 2009 Abril 2009 Maio 2009 Junho 2009 Julho 2009 Agosto 2009 Setembro 2009 Outubro 2009 Novembro 2009 Janeiro 2010 Fevereiro 2010 Março 2010 Abril 2010 Maio 2010 Junho 2010 Julho 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011

    Powered By





     
    CANTINHOS A VISITAR
  • Premiere.Com
  • Sound + Vision
  • Cinema2000
  • CineCartaz Público
  • CineDoc
  • IMDB
  • MovieWeb
  • EMPIRE
  • AllMovieGuide
  • /Film
  • Ain't It Cool News
  • Movies.Com
  • Variety
  • Senses of Cinema
  • Hollywood.Com
  • AFI
  • Criterion Collection